Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2013

Confiando em Deus, na adversidade

Esboço de Sermão
Salmo 3 Introdução: 1.Este salmo é de Davi, salmo de lamento, ele o escreveu quando fugia do seu filho Absalão. O salmo mistura lamento e confiança. 2.Quase uma terça parte dos salmos pertence à categoria de “lamentos”. O conteúdo básico de um salmo de lamento é: a)Uma fervente invocação de Deus (v. 1). b)Uma descrição da aflição, sofrimento ou injustiça que o crente sofre (vs. 1-2). c)Uma afirmação da confiança do crente em Deus (vs. 3-6). d)Uma súplica por socorro (v. 7). e)E uma expressão de louvor ou ação de graças (v. 8). 3.Inquirição: Como devemos nos comportar na adversidade? Qual deve ser a atitude do cristão diante da aflição? 4.Aqui, Davi compartilha o “segredo” teológico de sua segurança diante das adversidades. 5.Neste salmo de lamento individual, Davi faz uma queixa (vs. 1-2), uma declaração de confiança (vs. 3-6) e uma oração pedindo uma vitória ainda mais completa (vs. 7-8).
I. Uma queixa – Davi apresenta suas dificuldades (vs. 1-2): 1.Davi começa com uma observação …

Treinamento Bíblico de Evangelismo na IIBN

Culto do Atleta

No último sábado (12/10/2013) tivemos o Culto do Atleta UFC- Único Foco é Cristo na Igreja Internacional BOAS NOVAS em São Sebastião/DF. Na ocasião, o Pr. Luciano Paes Landim esteve pregando a Palavra de Deus baseado no Salmo 125. No culto tinha 50 pessoas ouvindo o Evangelho. Depois do culto tivemos uma deliciosa refeição. O próximo Culto do Atleta será no dia 09/11 às 19h30.







A música tem um valor inestimável

Há quem não tem em grande conta a música. Entretanto, a música é uma arte briosa e ilustre presente tanto no céu como na terra. Ela é consagrada tanto por anjos como por homens. A música fascina e extasia a alma. Ela nos motiva a despejar o coração em fervente louvor ao Deus verdadeiro. Assim sendo, a música precisa ser regida à reflexão e também à alma. Ou seja, necessita ser conduzida à razão e às emoções. Devemos lembrar que, fazer manipulação emocional é uma coisa, louvar a Deus com as emoções é outra.
O louvor musical, ainda que emocionado, deve ser absolutamente racional (Rm 12.1). A música tem uma extensão vertical (a exaltação e a glória de Deus) e uma extensão horizontal (levar as pessoas a confiar em Deus, serem edificadas). Deste modo, nossas músicas devem conter teologia consistente e sólida. Não devem ser pobres em conteúdo, mas ricas em teor bíblico. Ou seja, não devem ser baseadas em experiências humanas ou agitação emocional, porém, substancialmente centradas em Deus. A…

3º Aniversário do Projeto Evangelístico Palavra de Bênção

Treinamento Bíblico de Evangelismo na Igreja Internacional Sarando as Nações