Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2015

Sobre incompetência pastoral

Imagem
Por Misael Nascimento Pastores são, pelas peculiaridades da função,incompetentes. Desde 1987 tenho atuado na liderança de comunidades cristãs, 7 anos como evangelista e plantador daIgreja Presbiteriana de Valparaíso, treze anos como pastor daIgreja Presbiteriana Central do Gamae, desde 2010, servindo ao Senhor naIgreja Presbiteriana de São José do Rio Preto. A cada dia que passa, percebo que o pastoreio de igrejas é uma tarefa singular. Primeiro existe a questão da vocação, do chamado específico. Nenhum pastor autêntico escolhe o pastorado. O ministro da Palavra não é um voluntário precipitado, mas alguém que recebe uma ordem superior, que lhe domina o coração, que dirige as circunstâncias externas e que o orienta de forma absoluta ao serviço cristão em tempo integral. Deus não aprova profetas autodesignados (Jr 23.21). Nesse sentido, um pastor é diferente de um engenheiro ou de um médico. Estes escolhem suas profissões — alguns desde a infância ou adolescência — enquanto o pastor é es…

Luiz Sayão fala sobre a síndrome do filho de pastor

Imagem
"A proposta da redenção e da vida eterna que a Bíblia nos apresenta significa esse agir de Deus em função de produzir esse bem maior" Bacharel em Linguística e Hebraico e mestre em Hebraico pela Universidade de São Paulo, Luiz Alberto Sayão é pastor da Igreja Batista Nações Unidas (São Paulo) e tradutor da Bíblia, tendo coordenado a publicação da Nova Versão Internacional, entre muitos outros trabalhos. Líder evangélico respeitado no Brasil e no mundo, ele também é editor e autor de várias obras, como “Novo Testamento Trilíngue”, “Novo Testamento Esperança” e “Antigo Testamento Poliglota”, “O Problema do Mal no Antigo Testamento”, “Agora Sim: Teologia na Prática do Começo ao Fim” e a “Bíblia de Estudo em Áudio Rota 66”.
Como foi participar da tradução da Nova Versão Internacional da Bíblia? Na verdade eu trabalhei em três projetos diferentes de Bíblia. Primeiro foi a Nova Versão Internacional. As versões que a gente tinha à disposição na década de 90 eram basicamente variações …

Homem chora? E pastor, chora?

Imagem
Ricardo Agreste Em meus 25 anos de ministério não foram poucas as vezes em que derramei lágrimas. Para alguns, esta é uma confissão de fraqueza. Mas, se isso é verdade, agravo minha confissão dizendo que, nos últimos anos, chorei bem mais do que nos primeiros. Alguém poderia pensar que quanto mais experientes nos tornamos, menos propensos a estas "fraquezas" ficamos. No entanto, não é assim que tem acontecido em minha vida e ministério.
Talvez isso seja devido ao fato de que, nos primeiros anos de ministério, tinha uma visão superestimada de minhas potencialidades e conhecia bem pouco as minhas limitações. Na medida em que o tempo passa, tornamo-nos mais conscientes de que nossas potencialidades não são tão grandes quanto imaginávamos e descobrimos que nossas limitações são muito mais presentes em nossas vidas do que um dia consideramos.
Soma-se a isso o fato de que, quando mais jovem, era movido por sonhos e pela esperança de ver transformação efetiva nas pessoas, nos relacion…

Sugestão de Leitura: Livro "Marcas de Um Evangelista"

Imagem
Sinopse: Muitos, hoje em dia , pensam que a evangelização depende de um bom método . Porem, a raiz da evangelização bíblica e muito mais profunda . A evangelização esta ligada aquilo nos torna mensageiros íntegros e fieis , a verdade de Deus sobre Jesus Cristo . Mack Stiles tem vivido a vida de um evangelista. Vivendo em Dubai, nos Emirados Árabes e tendo oportunidade de falar do evangelho para pessoas de todas as partes do mundo. Mack oferece neste livro algumas verdades básicas que podem tornar qualquer um de nos em evangelistas fieis , que conhecem , amam e falam o evangelho da salvação .